» » O Que é Uma Resenha?

O Que é Uma Resenha?

Resenha é um tipo de produção textual que aborda detalhes e pontos importantes do que está sendo ponderado, seja um livro, um filme, um jogo, uma música, uma peça teatral ou qualquer outro objeto de análise.

A resenha é diferente de resumo porque ela é um tipo de texto analítico, que além de resumir, analisa e traz reflexões da obra como um todo.

Resenha também é um termo popular usado para se referir a “divertido”, “zoação” ou “juntar os amigos para se divertir”.

Qual o Significado de Resenha?

Resenha significa uma descrição repleta de detalhes, que analisa e enumera eles de forma resumida. Esse tipo de texto também pode estar sob um ou mais pontos de vistas diferentes.

A resenha é um tipo de texto usado, principalmente, para apresentar ao leitor descrições de uma obra literária, filme ou expressão artística que ele não conhece mas tem interesse em saber.

O que é uma Resenha Crítica?

Uma resenha crítica é um tipo de resenha que possui um caráter além de descritivo, crítico sobre o assunto. Nela o escritor critica, ou seja, coloca o seu ponto de vista e sua análise acerca do que está sendo descrito no texto de forma resumida. Essa crítica pode ser positiva ou pode ser negativa.

A resenha crítica também confronta as informações que estão sendo analisadas com pontos de vista de outros autores diferentes.

Além da resenha crítica existe a resenha descritiva, que não apresenta julgamento ou apreciação de quem a escreve.

Exemplo de Resenha

Logo abaixo você verá exemplos que te ajudarão a entender melhor o que é uma resenha.

Exemplo de Resenha Crítica:

“Em A Sinhá e o Escravo, de Assis de Brandão, conhecemos a história de Dora. A filha de um senhor de engenho se apaixona por Samuel, escravo da fazenda.
Trata-se de um romance epistolar. O livro é narrado por cartas escritas pela protagonista. Pelas datas (entre 1875 e 1879), nota-se que o processo de abolição da escravatura já estava em curso, no Brasil. À época, já existia a Lei do Ventre Livre, que postulava que os filhos das negras não nasceriam escravos.

Talvez isso explique a afeição de Dora aos trabalhadores da senzala. Em tempos mais remotos, provavelmente uma “sinhazinha” não se misturaria a uma classe considerada inferior. Com o progresso da sociedade, porém, os mais jovens perceberam que qualquer pessoa, no fim das contas, é apenas humana.

Essa descoberta e o conflito entre os valores familiares e os sentimentos íntimos são descritos pela personagem. Apesar de ser um romance situado no século XIX, a obra foi escrita nos anos 2000, voltada a um público adolescente. As frases curtas e simples ajudam a entender melhor o contexto, sem floreios de linguagem.

Por isso, A Sinhá e o Escravo explica bem uma época vergonhosa de nosso passado. Pode ser uma boa introdução a esse tema histórico, já que tem uma maneira quase didática de conduzir a trama. ”

Exemplo de Resenha Descritiva:

“O livro Artigos Científicos: como redigir, publicar e avaliar, de autoria do prof. Maurício Gomes Pereira, tem como objetivo orientar os potenciais autores sobre como vencer as muitas barreiras na elaboração e publicação de artigos científicos.

Os três primeiros capítulos tratam dos aspectos da preparação do trabalho. O primeiro capítulo, Pesquisa e Comunicação Científica, versa sobre a necessidade de divulgação dos resultados das pesquisas como forma de finalização da mesma.

No segundo capítulo, Canais de Comunicação Científica, o autor descreve os tipos de periódicos, os tipos de artigos, formas de publicação e as normas que as regem.

Do terceiro ao décimo quinto capítulo é apresentada cada parte da estrutura de um trabalho científico, começando pelo planejamento, abordando a estrutura, redação e revisão do texto, a introdução, o método, os resultados, a discussão, as referências bibliográficas, o título, a autoria, o resumo, as palavras-chave, a escolha do periódico e um capítulo com temas para a complementação do artigo (capítulo 15).”

Atualizado em: 23/05/2018 na categoria: Língua Portuguesa