Diferença entre Serpente e Víbora: São Iguais?


A víbora é, na verdade, um tipo de serpente, assim como as cobras. Ou seja: todas as víboras e cobras são serpentes, mas há muitos mais tipos de serpentes, que se dividem em famílias, subfamílias, gêneros, subgêneros, espécies e subespécies.

As serpentes são animais sem patas com corpo cilíndrico e alongado, geralmente recoberto por escamas. No Brasil, são geralmente chamadas por cobras.

O que é Víbora?

As víboras são uma subfamília das serpentes (Viperinae), que fazem parte da família Viperidae (viperídeos).

As víboras são venenosas e possuem dentes caninos longos, ocos e afiados, por onde injetam o veneno na presa.

Elas possuem cabeça triangular e bem destacada, são muito ágeis e ficam em posição de ataque para dar o bote em suas presas rapidamente.

Cobra e Serpente são a Mesma Coisa?

Não, cobra e serpente não são a mesma coisa. Na verdade, a cobra é um tipo de serpente.

Na linguagem popular brasileira estamos acostumados a chamar de cobra todos os répteis sem patas, com corpo cilíndrico e que se rastejam, quando a denominação correta é serpente.

Diferença entre Cobra Peçonhenta e Não Peçonhenta

A diferença entre cobra (serpente) peçonhenta e não peçonhenta está em suas características: a cobra peçonhenta possui presas por onde injetam o veneno produzido.

Uma cobra não peçonhenta pode até produzir veneno, mas não possui qualquer estrutura para introduzi-lo em sua presa.

Cobras Peçonhentas

  • Possuem cabeça achatada, triangular e bem destacada;
  • Olhos pequenos com as pupilas em formato de fenda vertical;
  • Escamas alongadas e ásperas de aspecto igual na cabeça e corpo;
  • Cauda curta que afina bruscamente;
  • Movimentos lentos;
  • Hábitos noturnos;
  • Atacam quando se sentem ameaçadas;
  • São ovovivíparas (o ovo permanece dentro do corpo materno até eclodir).

Cobras Não Peçonhentas

  • Cabeça estreita, longa e que não difere muito do corpo;
  • Olhos grandes com pupilas em formato circular;
  • Escamas achatadas e lisas com aspecto lubrificado;
  • Placas grandes na cabeça em vez de escamas;
  • Cauda comprida que vai afinando proporcionalmente;
  • Fogem quando se sentem ameaçadas;
  • Possuem hábitos diurnos;
  • Movimentos rápidos;
  • São ovíparas (os ovos se desenvolvem e eclodem fora do corpo materno).

No Brasil Encontramos Cobras ou Serpentes?

As cobras, como já foi dito, são tipos de serpentes. No Brasil, as duas nomenclaturas são consideradas sinônimas e podem ser utilizadas para designar os répteis rastejantes sem patas com corpo cilíndrico recoberto por escamas.

Portanto, podemos afirmar que, no Brasil, encontramos cobras e também outros tipos de serpentes. Aqui existem cerca de 36 espécies de serpentes peçonhentas, como a Jararaca, Surucucu pico-de-jaca e Coral verdadeira.